Você está em:

  1. Início
  2. Programação
  3. Eventos

Foram encontrados 54 eventos.

  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. 6
  8. »
  • Cartaz: O Natal de Ângela

    Teatro

    O Natal de Ângela

    Data de lançamento: 8 de dezembro de 2017 (mundial) Direção: Damien O'Connor Autor: Frank McCourt Indicações: Prêmio Emmy Daytime: Outstanding Performer in an Animated Program, MAIS Roteiro: William Collins, Damien O'Connor
  • Cartaz: A Fantástica Fábrica de Chocolate

    Teatro

    A Fantástica Fábrica de Chocolate

    Baseado no conto de Roald Dahl, este cômico e fantástico filme segue o jovem Charlie Bucket e seu avô Joe. Eles se juntam a um pequeno grupo de ganhadores de uma competição, os quais vão para um passeio na mágica e misteriosa fábrica do excêntrico Willy Wonka. Ajudado por seus anões trabalhadores, Wonka esconde uma surpresa para durante o passeio.
  • Cartaz: Especial Dia das Mães

    Teatro

    Especial Dia das Mães

    As crianças das Obras Sociais Redentoristas de Trindade (GO) farão apresentações de música, dança e teatro especialmente para celebrar o Dia das Mães. Todas as mães estão convidadas para a homenagem. Além das crianças haverá um momento em que os educadores e funcionários das Obras também farão apresentações.
  • Cartaz: Trindade Mostra Teatro: Salmos

    Teatro

    Trindade Mostra Teatro: Salmos

    Grupo de Jovens unidos pela Fé – Coletânea de salmos, dentro da íntegra bíblica com montagem de Amarildo Jacinto, misturando-se à cultura popular, cultura das romarias, da fé e da devoção. Salmos não é um espetáculo para se entender, mas para perceber e sentir.​
  • Cartaz: Trindade Mostra Teatro: Padre Pelágio

    Teatro

    Trindade Mostra Teatro: Padre Pelágio

    Grupo de Teatro Colégio Estadual Padre Pelágio. A peça é montada por crianças de 10 a 14 anos, descreve a vida de Padre Pelágio através de versos e poesia, sua vida, suas ações e o carinho dele para com o povo. Todo o espetáculo foi montado de forma contemporânea através de músicas de Valter José, poesias de Remus Silva e Amarildo Jacinto.​​
  1. «
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. 6
  8. »